Bem vindo ao Corso Italia

MATRÍCULAS ABERTAS  2º SEMESTRE 2020!!

 

PLANO DE CONTINGÊNCIA

PARA O ENFRENTAMENTO DO NOVO CORONAVÍRUS

(COVID-19)

 

1.     INTRODUÇÃO:

A COVID-19, denominação da doença que é ocasionada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2) foi detectada pela primeira vez em novembro/2019, após relato de casos encontrados na cidade de Wuhan, na China. Os casos se espalharam rapidamente de Wuhan para o restante do mundo e em menos de dois meses, em 11 de março de 2020, a Organização Mundial de Saúde (OMS) já decretava a existência de uma pandemia de nível internacional (BRASIL, 2020).

A rapidez com que ocorre a disseminação deste vírus resultou em inúmeros óbitos, em mais de uma centena de países, sendo que os mais vulneráveis ? considerados grupo de risco ? são pessoas idosas, gestantes, imunodeprimidos, entre outros (BRASIL, 2020).

Anteriormente à COVID-19, o coronavírus já havia ocasionado duas epidemias:

·       SARS-CoV: conhecido simplesmente como SARS, foi identificado em 2002 na China e rapidamente gerou um surto mundial, com mais de oito mil casos confirmados e até meados de 2003 havia mais de 800 mortes (MERCK, 2020).

·       MERS-CoV: conhecida simplesmente como MERS, a  síndrome respiratória do Oriente Médio foi identificada em 2012, incialmente na Jordânia e Arábia Saudita. Até o ano de 2018, contabilizava-se 2.220 casos confirmados e 790 óbitos, a maioria na Arábia Saudita, onde continuam a surgir novos casos  (MERCK, 2020).

Esta alta transmissibilidade motivou a suspensão das atividades de diversos segmentos, em várias cidades e estados da Federação. Dentre estas atividades está o setor educacional, que teve a suspensão decretada inicialmente através do Decreto Estadual nº 4.230, de 16 de março de 2020 e Decreto Estadual nº 4.258, de 17 de março de 2020.

No Município de Londrina, a suspensão das atividades educacionais ocorreu inicialmente pelo Decreto Municipal nº 346, de 19 de março de 2020 e está mantida até 31 de julho de 2020, por força do Decreto Municipal nº 621, de 25 de maio de 2020.

Ciente que a escola possui um papel determinante na prevenção da pandemia e frente a possibilidade de retorno das atividades a partir de 31 de julho de 2020, a ESCOLA elabora seu Plano de Contingência contemplando as ações e medidas de segurança para a retomada das atividades.

 1.1. Objetivos:

O objetivo do Plano de Contingência é manter as atividades presenciais da escola face aos possíveis efeitos desta pandemia, especialmente em casos de absenteísmo de professores, colaboradores e alunos, bem como as respectivas repercussões nas atividades escolares, no ambiente familiar e social de toda a comunidade envolvida.

Também é objetivo do plano a adoção de um conjunto de medidas e ações a serem desenvolvidas de modo articulado, preparando a Escola para o enfrentamento de situações que possam surgir, inclusive em caso de um eventual contágio.

Este Plano de Contingência é dinâmico e poderá sofrer alterações na medida em que se constate a necessidade de outras ações visando a prevenção da COVID-19 dentro do ambiente escolar.

 2. SOBRE A DOENÇA POR CORONAVÍRUS (COVID-19)

2.1. Agente Etiológico

O  coronavírus (CoV) é uma ampla família de RNA vírus que em humanos podem causar síndromes respiratórias e gastrointestinais. O novo coronavírus SARS-CoV-2 é uma nova cepa que ainda não havia sido previamente identificada em humanos.

 2.2. Período de incubação

Segundo a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS, 2020), o tempo entre a exposição à COVID-19 e o momento em que os sintomas começam (período de incubação) é geralmente de cinco a seis dias, mas pode variar de 1 a 14 dias.

2.3. Transmissão

Acredita-se que a disseminação do coronavírus, especialmente em ambiente escolar, possa ocorrer:

·       Pelo contato pessoal próximo com pessoas infectadas ou por meio de gotículas respiratórias advindas de tosse ou espirro de pessoas infectadas;

·       Ao tocar objetos ou superfícies contaminadas (celulares, mesas,  maçanetas, brinquedos, teclados, etc) e em seguida tocar a boca, nariz ou olhos;

 2.4. Período de transmissibilidade

O que se sabe é que a transmissibilidade dos pacientes infectados por SARS-CoV-2 ocorre entre pessoas em média 7 dias após o início dos sintomas.

2.5. Principais sintomas

Os principais sintomas da COVID-19 são semelhantes a uma gripe, como por exemplo:

·       Febre;

·       Tosse seca;

·       Coriza;

·       Falta de ar (dificuldade respiratória);

·       Dor de garganta;

 2.6. Prevenir a transmissão do COVID-19

Existem medidas gerais e simples que podem ser seguidas por qualquer pessoa e consideradas eficazes na prevenção à transmissão de todos os vírus respiratórios, inclusive o coronavírus:

·       Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

·       Evitar tocar nos olhos, nariz e boca antes de lavar as mãos;

·       Evitar contato próximo com pessoas com tosse, febre ou dificuldade respiratória;

·       Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência;

·       Utilizar a etiqueta respiratória sempre que tossir ou espirrar;

·       Permanecer em casa sempre que apresentar tosse, febre ou dificuldade respiratória.

 3.   PLANO DE CONTINGÊNCIA

3.1 Elaboração

O plano de contingência apresenta uma estrutura estratégica e operativa que ajudará a minimizar os riscos de uma disseminação e, caso esta venha ocorrer, auxiliará no controle de uma situação de emergência, reduzindo suas consequências negativas. Por isso, propõe uma série de procedimentos alternativos ao funcionamento normal da organização escolar, sempre que alguma das suas funções usuais se vê prejudicada por uma demanda interna ou externa.

Importante ressaltar que o plano definido pela Escola foi elaborado de acordo com as orientações técnicas advindas de entidades oficiais: Organização Mundial de Saúde/UNICEF, Ministério da Saúde, Autoridades Sanitárias do Estado e Município, Sociedade Brasileira de Pediatria, Sociedade Brasileira de Infectologia, entre outros.

 

3.2 Comissão de Monitoramento e de Crise

 

Cargo dentro da Comissão

Responsável

Suplente

Coordenação do Plano

Angélica de Fátima Rosa Ferreira ? Diretora

Bruna Antônia Lima  - professora

 

A Comissão de Monitoramento e Crise terá o papel de:

a)     Implementar e monitorar o Plano de Contingência, assim como as medidas estratégicas para a minimização de riscos frente na Escola;

b)     Divulgar o Plano de Contingência, as ações e medidas adotadas pela Escola para a prevenção da COVID-19;

c)     Reunir-se periodicamente para avaliação, a fim de discutir sobre pontos que possam representar riscos de transmissão da COVID-19;

d)     Acompanhar as informações sobre COVID-19 divulgadas em fontes oficiais, efetuando a atualização deste Plano de Contingência, quando necessário.

 

3.3 Da não necessidade de áreas de isolamento

Ciente de que apesar das medidas preventivas adotadas é possível a manifestação de sintomas compatíveis com a COVID-19 durante o horário das aulas presenciais a Escola solicitará ao aluno e colaborador que retorne imediatamente para sua residência e procure um atendimento médico recomendado, considerando que trabalhamos exclusivamente com o segmento de alunos adultos, que tem mobilidade para ir e vir.

 3.4. Abrangência

Este plano é aplicável a toda a Escola, devendo ser respeitado por gestores, colaboradores, alunos e familiares.

 3.5. Período

Considerando a previsão contida no Decreto Municipal nº 621/2020, que preconiza a suspensão das aulas até 31 de julho de 2020, as medidas previstas neste plano terão início em 17 de agosto de 2020.

 4. AÇÕES DESENVOLVIDAS

4.1. Gerais

·       Reduzir o número de alunos em sala de aula, a fim de possibilitar o distanciamento mínimo entre as carteiras em um metro (SBP, 2020), com desenvolvimento de atividades educacionais híbridas (presencial e virtual), quando necessário.

·       Ações educativas quanto à prevenção da COVID-19;

·       Adequação das rotinas / regras para entrada e saída de alunos, horários de intervalos e utilização das áreas da escola;

·       Monitoramento quanto ao retorno de alunos e colaboradores pós COVID-19 (suspeita ou confirmado);

·       Elaboração e distribuição de materiais diversos e cartazes informativos à comunidade escolar;

·       Monitoramento das áreas e de pontos de potencial aglomeração (corredor e recepção)  para permitir o distanciamento exigido;

·       Disponibilização de álcool em gel (bancadas e bisnagas individuais);

·       Monitoramento de estoques de álcool em gel, sabão e outros itens necessários à higienização de mãos e ambientes, para garantir estoque de segurança;

 4.2. Recursos Humanos

4.2.1. Colaboradores em geral e os enquadrados em Grupos de Risco (Colaboradores com idade igual ou superior a 60 anos) ou colaboradores com comorbidades, gestantes, pessoas com deficiência, aprendizes com idade inferior a 18 anos.

No período de suspensão das atividades presenciais a Corso Italia ministrou as aulas exclusivamente on line, não colocando em risco nem seus professores, nem seus alunos.

No caso dos colaboradores enquadrados em Grupo de Risco, com comorbidades, gestantes, pessoas com deficiência ou aprendizes, no retorno às atividades presenciais, a escola procurará ? dentro de sua possibilidade - o remanejamento do colaborador para local/atividade de trabalho para áreas não ligadas diretamente ao atendimento ao público.

Se o remanejamento não for possível, a escola orientará a adoção das medidas preventivas.

Em relação ao corpo docente, visando a redução do risco, a escola ainda procurará implementar as seguintes medidas:

a)     Concentração das aulas que o docente possui em cada turma em um único dia, evitando que num mesmo dia este docente tenha que circular em várias turmas;

b)     Negociação com outros empregadores do docente, a fim de tentar evitar que o docente circule em mais de uma escola por turno;

c)     Cancelamento de atividades que possam gerar aglomerações, as quais poderão ser substituídas por atividades virtuais;

d)     Cancelamento de atividades que exijam o contato físico;

 4.2.2.  Capacitações (anexos 2 e 3)

·       Capacitação da equipe, alunos e familiares sobre o retorno das atividades educacionais, especialmente quanto às limitações de contato, fluxos de entrada e saída, intervalos, entre outras;

·       Capacitações contínuas de temas relacionados ao novo Coronavírus (SARS-CoV-2);

·       Elaboração de Cartaz com orientações sobre a lavagem das mãos e outras medidas protetivas.

 4.2.3. Equipamentos de Proteção Individual:

            Implantação e adequação das rotinas para utilização de EPI´s, incluindo o estímulo ao uso de máscaras.

4.2.4. Outras Ações:

·       Desenvolvimento de ações para atendimento de alunos com deficiência, especialmente daqueles que se encontrem em situação de vulnerabilidade por conta de suas comorbidades ou da própria deficiência;

·       Orientação a colaboradores e alunos para a vacinação contra INFLUENZA, com preferência para a tetravalente;

·       Monitoramento dos afastamentos e, nos casos de colaboradores, efetuar levantamentos estatísticos por função, locais de trabalho e possível fonte de contaminação.

5. ATUAÇÃO FRENTE A CASOS SUSPEITOS

5.1. Definição de casos suspeitos

Serão considerados suspeitos todos os casos em que o aluno ou colaborador apresentem um ou mais sintomas compatíveis com a COVID-19.

5.2 Ação da escola frente a um caso suspeito

A escola orientará alunos e colaboradores a não virem para o ambiente escolar se apresentarem quaisquer dos sintomas compatíveis com a COVID-19.

Mas se constatar que algum colaborador ou aluno, a princípio assintomáticos, começaram a apresentar sintomas compatíveis com a COVID-19 dentro do ambiente escolar, serão adotados os seguintes passos:

1)     Retirada imediata do colaborador ou aluno do contato com outras pessoas;

2)     Encaminhamento do colaborador a casa; em se tratando de aluno, deverá permanecer algum colaborador da escola, o qual deverá estar paramentado com máscara e evitar o contato físico;

3)     Acionamento de representante da Comissão de Monitoramento e Crise;

4)     Ligação para os familiares do aluno, a fim de que venham busca-lo na escola;

5)     Ligação para familiares do colaborador para que venham busca-lo na escola; caso não haja pessoa disponível, a escola providenciará transporte deste colaborador até sua residência;

6)     Orientar os familiares de alunos e colaboradores com sintomas de COVID-19 a buscarem auxílio médico, a fim de que possam confirmar ou afastar o diagnóstico de COVID-19.

7)     Monitoramento dos demais alunos e colaboradores que tiveram contato com o suspeito;

8)     Orientação aos colaboradores e familiares dos alunos que tiveram contato com o suspeito, para que mantenham monitoramento sobre possíveis sintomas fora do ambiente escolar;

9)     Higienização e arejamento da sala que estava frequentando;

5.2 Retorno de colaboradores ou alunos com casos suspeitos ou confirmados de COVID-19:

Para segurança de toda a comunidade escolar, o retorno à escola de alunos ou colaboradores que tenham sido afastados por suspeita ou por confirmação de COVID-19 ocorrerá:

a)     No caso de suspeita, pela apresentação de atestado médico ou de exame com resultado negativo;

b)     No caso de confirmação, pela apresentação de atestado médico declarando que o colaborador ou aluno não se encontra em fase de transmissão da COVID-19 e pode retornar às atividades normais.

 

6. REFERÊNCIAS

OMS/UNICEF. Principais Mensagens e Ações para a Prevenção do Coronavírus (COVID-19) em Escolas. Elaborado em Março/2020. Disponível em: https://www.unicef.org/brazil/comunicados-de-imprensa/covid-19-unicef-disponibiliza-orientacoes-globais-para-proteger-criancas-e-escolas. Acesso em 15.04.2020.

Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS). Folha Informativa COVID-19 (doença causada pelo novo coronavírus). Atualizada até 26.06.2020. Disponível em: https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=6101:covid19&Itemid=875#incoubacao. Acesso em 27.06.2020.

Brasil. Ministério da Saúde. Coronavírus e COVID-19: O que você precisa saber. Disponível em: https://coronavirus.saude.gov.br/index.php/perguntas-e-respostas. Acesso em 27.06.2020.

Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP). Covid-19 e a volta às aulas. Disponível em: https://www.sbp.com.br/imprensa/detalhe/nid/covid-19-e-a-volta-as-aulas/. Acesso em 10.05.2020.

Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Norte do Paraná ? SINEPE/NPR. Be-a-bá para as escolas e famílias em tempo SARS-Cov-2. Divulgada pelo SINEPE/NPR em maio/2020.

Ministério Público do Estado de Rondônia. Recomendação Conjunta nº. 01/2020/MPC/MPRO ? Educação. Disponível em: https://g1.globo.com/ro/rondonia/noticia/2020/05/31/ministerio-publico-de-rondonia-faz-recomendacoes-para-momento-de-volta-as-aulas-presenciais.ghtml. Acesso em 01.06.2020.

Manual Merck de Informações Médicas. Coronavírus e Síndromes respiratórias agudas (COVID-19, MERS e SARS). [livro eletrônico]; atualização abr/2020; Merck Sharp & Dohme Corp., subsidiária da Merck & Co., Inc., Kenilworth, NJ, EUA: 2020. Disponível em https://www.msdmanuals.com/pt/casa/infec%C3%A7%C3%B5es/v%C3%ADrus-respirat%C3%B3rios/coronav%C3%ADrus-e-s%C3%ADndromes-respirat%C3%B3rias-agudas-covid-19,-mers-e-sars. Acesso em 20.05.2020.

Contatos:

https://www.facebook.com/CorsoItaliaEscoladeLinguas

Tel: (43) 3348-5847 | (43) 9 9672-0763


Nossos cursos são fundamentados em sólida base cultural, profundo conhecimento da língua e coordenação pedagógica em permanente atualização. A soma desses fatores contribui para a excelência do processo ensino-aprendizagem, com aulas desenvolvidas em um ambiente tipicamente italiano.

Por ser uma referência em língua e cultura italianas em Londrina, a escola também constantemente oferece informações úteis a quem pretende viajar, estudar ou morar na Itália.

Conheça um pouco mais >>
Roma Veneza Vilarejo Museu de Roma Roma Modigliani
Viagem: Viagem para San Severino Marche! - Intercâmbio
EDULÍNGUA LABORATORIO DI LINGUA E CULTURA ITALIANA Rua C. Battisti, 13-15, 62027 - San Severino MarcheCURSO: 20 horas semanais de língua italiana (4h por dia), 5 horas semanais de cultura italiana, 2 ...
Conheça nossa Escola